Afundou o Inter e recebeu nova sondagem para voltar a trabalhar

Ex-técnico do Internacional, Miguel Ángel Ramírez está em busca de um novo clube para a próxima temporada. Nas últimas semanas, o comandante foi demitido do Charlotte FC, dos Estados Unidos, depois de enfrentar problemas internos.

O espanhol teve o término do terceiro trabalho como treinador, mas segue com a lembrança da primeira passagem no futebol. Ramírez comandou o Independiente Del Valle e levou o clube ao título da Copa Sul-Americana de 2019.

O desempenho do técnico chamou a atenção do Internacional, que realizou a contratação em 2021. O comandante deixou o cargo alguns meses depois devido aos resultados apresentados.

Pelo Charlotte FC, Ramírez apresentou resultados positivos na primeira temporada da história do clube, porém foi demitido da mesma forma. A justificativa apresentada foi o fato de que ele não tinha uma boa relação com os jogadores.

Em busca de um clube para a próxima temporada, o técnico foi procurado por clubes do futebol espanhol. O treinador acredita que pode ter mais sucesso no futebol europeu, já que os clubes do continente levam os projetos mais a sério.

Ramírez foi detonado por jogador do Charlotte

Miguel Ángel Ramírez foi demitido do Charlotte FC no final de maio. O comandante estava fazendo uma campanha acima das expectativas na Major League Soccer, porém a direção optou por não seguir com o treinador.

O lateral do Charlotte FC, Christian Fuchs, criticou Ramírez em entrevista à imprensa local, nesta terça-feira (7). O atleta afirmou que o comandante não conseguiu gerar uma conexão com os jogadores, então o ambiente não era dos melhores.

“Para mim, foi uma decepção geral em termos dele não ser capaz de se conectar conosco. Houve certos rachas entre os jogadores e a equipe técnica”, afirmou o jogador.

- Publicidade -