Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Alessandro Barcellos confirma que Inter pode estar mudando o futebol

O Inter segue trabalhando para a montagem do elenco que vai disputar as competições em 2024. No entanto, a direção precisa se atentar ao número de jogadores nascidos fora do país. Isso porque a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) só permite que sete atletas estrangeiros sejam relacionados por partida nos torneios nacionais.

Diante disso, existe um movimento para ampliar esse limite para nove jogadores. Em entrevista para a Rádio Gaúcha, inclusive, o presidente Alessandro Barcellos confirmou a ideia. O Inter trabalha junto com outras equipes brasileiras para levar o debate adiante, permitindo que a entidade máxima do futebol brasileiro anuncie mudanças na regra

“Está cada vez mais necessário que se faça essa discussão. O mercado brasileiro está com valores elevados, vive um momento inflacionado, e a opção viável é buscar no mercado estrangeiro. A questão de competições internacionais, não há limite de jogadores, enquanto no Brasileirão tem essa limitação. São muitas questões que precisam ser debatidas no futebol brasileiro”, disse o mandatário.

Os clubes interessados na mudança pretendem aumentar o número para nove estrangeiros relacionados por partida. A questão também aumentaria o leque de opções para o Inter contratar reforços em 2024. De acordo com o portal GZH, o Congresso Técnico do Brasileirão de 2024 deve debater o assunto nos próximos dias.

Alessandro Barcellos tenta promover mudança no Inter

Atualmente, o Colorado conta com oito atletas nascidos fora do Brasil no elenco: Sergio Rochet, Gabriel Mercado, Bustos, Hugo Mallo, Charles Aránguiz, Carlos de Pena, Lucas Alario e Enner Valencia. Além disso, o Inter aguarda a chegada do atacante Rafael Borré, que está emprestado ao Werder Bremen e só desembarca em Porto Alegre no segundo semestre.

Desta forma, caso a mudança para nove estrangeiros seja autorizada, o Inter contará com o numero limite de jogadores vindos de fora do país. No entanto, é possível que o clube procure novas alternativas no mercado, já que é improvável que todos os atletas estejam à disposição do treinador na maioria dos momentos da temporada.