Alessandro Barcellos se revolta em redes sociais contra arbitragem; Inter vai à CBF

0

O presidente do Internacional, Alessandro Barcellos, usou suas redes sociais na noite deste domingo para reclamar dos erros da arbitragem no empate em 2 a 2 contra o Sport, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

Através de um longo texto, o dirigente demonstrou toda sua insatisfação com relação às marcações do árbitro Vinicius Gonçalves Dias Araujo e do auxiliar Marcelo Carvalho Van Gasse que, segundo ele, proporcionaram “erros crassos” que prejudicaram um jogo decidido em “mínimos detalhes”.

O Inter reclama de dois lances capitais na partida de ontem. Primeiro, o pênalti cometido por Maurício que originou o primeiro gol do Sport. O toque de Thiago Neves para trás foi muito próximo ao corpo do atacante colorado, que já começava a recolher o braço.

Já nos últimos momentos da partida, a segunda contestação: o Colorado reinvidica que o cruzamento de Patrick, que terminou com gol de Galhardo, não havia saído pela linha de fundo de acordo com as câmeras utilizadas para gravar a partida.

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Veja abaixo o texto de Alessandro Barcellos: 

“Colorados e Coloradas, sabemos que poderíamos e tivemos tudo para vencer na nossa estreia do Brasileirão. Tivemos a partida sob nosso controle e cometemos erros, que todos internamente se cobram e sabem que precisamos melhorar.

Mesmo assim, um jogo se decide em mínimos detalhes e, é inadmissível a quantidade de erros crassos cometidos contra o Sport Club Internacional na partida diante do Sport. O Campeonato Brasileiro de 2021 está iniciando como terminou a edição passada, com prejuízos graves ao Inter.

O VAR, que veio para ser uma ferramenta de auxílio à arbitragem, simplesmente foi ignorada no pênalti “cometido” pelo Mauricio. Os auxiliares, que tanto demoram para assinalar impedimentos claros (inclusive colocando em risco os atletas, que podem sofrer choques e lesões graves em jogadas escancaradamente irregulares).

Agem com pressa para marcar uma saída de bola, que NÃO ocorreu, mesmo tendo a tecnologia para ajudar em um lance tão decisivo e importante. Buscamos e queremos ser propositivos sempre. Mas também temos o dever de nos posicionarmos institucionalmente.”

Alessandro Barcellos quer ciência da CBF sobre o caso

Seguindo as fortes declarações em suas redes sociais, Alessandro Barcellos revelou que o Inter vai encaminhar uma representação junto à CBF nesta segunda-feira.

Ainda de acordo com o presidente, o intuito desta manifestação não é receber benefícios, mas sim apenas cobrar e mostrar os lances que o Inter julga ser prejudicado para que a arbitragem não interfira diretamente no jogo de qualquer um dos participantes do campeonato.

Barcellos ainda acrescentou:

“Sabemos que precisamos melhorar nossas atuações, temos total convicção que isso irá acontecer, com tudo que vem sendo realizado no dia a dia. Mas julgamos ser necessário pontuar estes acontecimentos que prejudicam o trabalho de todos. Temos uma longa temporada pela frente, com muitos objetivos grandes no nosso horizonte.”

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.