Barca do Internacional tem 7 jogadores em fim de contrato

0

O Inter tem 7 jogadores em fim de contrato e que podem estar de saída do clube no fim do ano, sendo eles: Marcelo Lomba, Lucas Ribeiro, Moisés, Saravia, Lindoso, Palacios e Guerrero. O vínculo de todos eles se encerra em dezembro de 2021. Confira a situação de todos os atletas:

Marcelo Lomba

Marcelo Lomba é reserva do goleiro Daniel, que está se destacando no Internacional. O goleiro de 34 anos, que não fez boas atuações nos últimos anos, já recebeu a notícia de que os dirigentes não tem interesse em renovar e o jogador sairá do clube no fim do ano.

Lucas Ribeiro

O zagueiro pertence ao Hoffenheim, da Alemanha, e está emprestado ao Colorado com opção de compra. Para contar com o jogador em definitivo, o Inter terá que pagar 3,5 milhões de euros (cerca de R$ 22 milhões). Reserva no clube, a permanência do atleta não é uma prioridade e o jogador pode estar de saída.

Moisés

O lateral-esquerdo pertence ao Bahia e para contar com o jogador por mais tempo o Inter precisa exercer a compra do atleta. Moisés é titular no clube e é muito elogiado internamente, mas também é alvo de criticas da torcida.

Renzo Saravia

O argentino pertence ao Porto e tem o passe estimado em cerca de 5 milhões de euros (mais de R$ 20 milhões). A boa relação entre os clubes e as recentes contrações de Léo Borges e João Peglow para o Dragão podem ajudar o Inter a negociar o jogador com mais facilidade.

Rodrigo Lindoso

O jogador foi sondado pelo Santos em junho, mas as negociações não avançaram. Lindoso é reserva e o Inter não tem interesse na renovação. Apesar de não ter muito prestígio com os dirigentes do clube, o volante jogou na vitória de domingo (8), contra o Flamengo, e foi um dos destaques da equipe.

Carlos Palacios

O atacante, que é uma das maiores promessas do futebol chileno, veio da Unión Española e foi emprestado até 2021. Porém, o Inter já exerceu a opção de compra do atleta por um contrato de três anos no valor de 2,70 milhões de euros (cerca de R$ 14 milhões).

Paolo Guerrero

O centroavante, que é um dos líderes do elenco, se desentendeu com os dirigentes do clube no início do ano após desejar o interesse de sair do Colorado. A situação se resolveu, mas a relação está estremecida. O jogador deve estar de saída ao fim do contrato.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.