Bobagem no banco impossibilita transferência de Galhardo para o Brasil

Cartão amarelo tomado contra o Fortaleza conta como um sétimo jogo

0

Thiago Galhardo está impedido de ser transferido para outro clube da Série A. Com sete jogos no Campeonato Brasileiro, os jogadores são impedidos de se transferir para outra equipe do Brasil. O atleta jogou apenas seis jogos, mas Galhardo tem um cartão amarelo anotado na súmula do jogo contra o Fortaleza, realizado no dia 6 de junho, na Arena Castelão. Mesmo sem ter entrado na partida, o cartão faz com que seja contabilizado como se o atleta tivesse jogado uma partida a mais.

Thiago estava sendo cogitado em diversos clubes do país. Como no São Paulo, por exemplo, em que foi avaliada uma possível troca com o centroavante Pablo. Também chegou a ser especulado pelo jornalista Jorge Nicola no Corinthians, em uma transferência de R$ 15 milhões ou em uma troca de jogadores.

O atleta de 31 anos está no banco de reservas do Colorado. Nesta temporada, o centroavante disputou 24 jogos e marcou 10 gols, sendo que 5 foram anotados no Campeonato Gaúcho, 4 na Libertadores e um na Copa do Brasil.

Galhardo pode servir para o Inter?

É inegável que o Thiago tem futebol de sobra. Na Série A do ano passado, o jogador fez 17 gols em 29 partidas. A média de 0.58 gols por jogo é expressiva para os padrões do futebol brasileiro.

O atleta também é versátil: pode atuar como centroavante e como meia, posição em que fez o jogador se destacar no Vasco da Gama. Mesmo estando no banco de reservas, Galhardo pode servir para o Colorado no segundo tempo.

Não existe mal algum em ter um dos 10 maiores artilheiros do Brasil da temporada 2020 no elenco. Thiago pode não estar jogando em alto nível, mas o jogador pode ser útil durante o ano.

 

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.