Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Coudet nunca acreditou que o Inter pudesse ser rebaixado

Depois da vitória por 2 a 0 sobre o Cuiabá, na quarta-feira (29), o Internacional praticamente acabou com as chances de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Por conta disso, na coletiva após a partida, o técnico Eduardo Coudet aproveitou para destacar que a possibilidade de queda para a Série B nunca o assustou.

“Eu nunca estive preocupado com o rebaixamento. Sei o grupo que tenho. Sei como é o dia a dia. Foi um golpe muito duro (eliminação na Libertadores). Tínhamos de sair desse golpe e começar a ganhar. É o que fizemos. Escaparam alguns pontos, sobretudo em casa. Estamos quase com a vaga (na Sul-Americana) garantida. O objetivo é ganhar o próximo jogo. Temos responsabilidade com essa camisa”, salientou o comandante.

O treinador ainda ressaltou que o maior entrave para uma boa campanha no Brasileirão foi a prioridade dada para a Copa Libertadores da América. Isso porque o Colorado jogou com um time misto em várias rodadas e teve que lidar com a situação depois de ter sido eliminado nas semifinais da competição continental.

“Demos prioridade à Libertadores. Foi o que nos atrasou no Brasileirão. Os números falam que, depois da eliminação, o aproveitamento é muito bom. Isso é a realidade. Sinto que tomamos a decisão certa. Não era buscar a classificação. Era brigar pelo título”, disparou o treinador.

Eduardo Coudet tenta alcançar objetivos no Inter

Focado no Brasileirão, o Internacional conquistou uma importante vitória sobre o Cuiabá. A equipe gaúcha acabou com as chances de rebaixamento e está praticamente garantida na próxima edição da Copa Sul-Americana.

“Fomos bem na parte tática. Tivemos um rival que correu bastante no primeiro tempo. A necessidade que tínhamos era de melhorar a troca de passes. Tínhamos de fazer o simples, com velocidade. Foi difícil cobrar os jogadores. Fez muito calor. Sentimos muito. Quando começamos a ter maior amplitude, melhoramos a transição. Aí nos sentimos mais cômodos e começamos manejar o tempo de jogo”, afirmou o treinador.