D’Alessandro deixou uma dívida com o Internacional

D’Alessandro deixou o Internacional após a partida contra o Fortaleza. O ídolo colorado conquistou vários títulos durante a passagem pelo clube, porém revelou mágoa por não ter levantado nenhum torneio nacional no período.

O argentino ficou muito próximo de conquistar um título nacional em duas oportunidades. Com D’Alessandro, o Internacional foi vice-campeão da Copa do Brasil em 2009 e 2019 e do Campeonato Brasileiro em 2009 e 2020.

“Nada é perfeito. Trabalhei para merecer o que aconteceu. Ninguém me obrigou a sair, ninguém me obrigou a voltar. Falando de futebol, deixo dívida muito grande e não vou conseguir pagar, um título nacional. Bati na trave duas vezes no Brasileirão e duas vezes na Copa do Brasil. Espero que o clube consiga, mas é o que vou levar comigo”, comentou o ídolo colorado.

Apesar de não ter conquistado nenhum título nacional, D’Alessandro levantou competições importantes como a Sul-Americana e a Libertadores. O argentino considera a passagem pelo Colorado como positiva, mas revela que não fez mais do que a obrigação.

“Nunca me coloquei numa situação onde não merecia (como ídolo). Não acho que sou mais do que eu fiz, e acho que poderia ter feito mais. Sabia que tinha que voltar quando saí, porque a história continuava. O sentimento de entrega que dei pelo Inter vai ficar para os meus filhos”, salientou D’Alessandro.

A despedida de D’Alessandro no Internacional

D’Alessandro deixou o Internacional após vitória por 2 a 1 contra o Fortaleza, no domingo (17). O argentino se despediu com chave de ouro, marcando um dos gols do Colorado no primeiro triunfo pelo Brasileirão 2022.

Sem D’Alessandro no elenco, o Clube do Povo segue em preparação para os próximos jogos da Sul-Americana e Brasileirão. O próximo jogo do Internacional é contra o Independiente Medellin, nesta terça-feira (26), às 21h30.

Comentários do Facebook

- Publicidade -