Deu chapéu no Internacional e afundou no Flamengo

O técnico Paulo Sousa está próximo de ser demitido do Flamengo. Segundo o jornalista Jorge Nicola, os jogadores pediram a demissão do treinador por conta da falta de clima para a continuidade do trabalho após os ocorridos recentes.

“Teve a reunião de Diego Alves com Paulo Sousa. Depois houve uma reunião ainda maior, com a presença de jogadores… os principais jogadores, dos caras que são líderes do time com os dirigentes do Flamengo. Nessa reunião, posso garantir que contou com a presença do Spindel e com o presidente Landim. Marcos Braz não consegui checar se esteve no encontro”, destacou o jornalista.

Jorge Nicola destacou que o principal motivo dos jogadores é a situação com Diego Alves. Segundo os atletas, o treinador inventou uma história que não existe e acabou manchando a imagem do goleiro flamenguista.

“Os atletas estão revoltados com Paulo Sousa. Não sei se a demissão vai ser anunciada hoje ou se vai ser anunciada amanhã. Mas agora é uma questão de tempo para que Paulo Sousa caia. Clima para ele não existe mais. Os atletas não querem mais contar com Paulo Sousa”, afirmou Nicola.

A situação com Diego Alves se desencadeou após a vitória por 3 a 0 sobre a Universidad Católica. O técnico foi questionado sobre o goleiro e disse que ele não foi colocado pois não estava treinando com os demais jogadores.

Paulo Sousa deu chapéu no Internacional

Contratado pelo Flamengo no início da temporada, o técnico Paulo Sousa foi sondado pelo Internacional. Apesar do avanço das tratativas para o acordo, o Colorado se retirou da negociação ao saber que ocorreria uma espécie de leilão entre os clubes.

“E esse avançou até o momento que houve uma palavra que nos fez retirar do negócio, que é ‘leilão’. O Internacional não vai entrar em leilão, e se soubesse que seria um leilão, nem teria iniciado conversas. Daí, nós retomamos o alvo (Medina) e houve uma flexibilização”, afirmou o dirigente do Inter na época, Paulo Bracks.

Comentários do Facebook

- Publicidade -