Edenilson também ganhou prêmio da CBF pelo Brasileirão 2021

- Publicidade -

- Publicidade -

O volante do Internacional, Edenilson, venceu dois prêmios neste final de ano. Além da Bola de Prata, da ESPN, o jogador foi selecionado na Seleção do Campeonato Brasileiro 2021.

A Seleção do Brasileirão 2021 ficou definida dessa seguinte forma:  Weverton (Palmeiras); Yago Pikachu (Fortaleza), Gustavo Gómez (Palmeiras), Junior Alonso (Atlético-MG) e Guilherme Arana (Atlético-MG); Edenilson (Inter), Jair (Atlético-MG), Raphael Veiga (Palmeiras) e Nacho Fernandez (Atlético-MG); Hulk (Atlético-MG) e Michael (Flamengo). O meia André, do Fluminense, foi escolhido o jogador revelação.

- Publicidade -

Queda do Inter após vitória no Grenal

Com uma queda brutal de rendimento após vencer o rival Grêmio, o Internacional só conseguiu fazer 4 pontos nos últimos 8 jogos. Para Edenilson, o time perdeu o foco após o clássico.

”Talvez a gente tenha perdido um pouco do foco. Podemos ter pensado mais na derrota do rival do que na nossa própria vitória. Às vezes, a gente pensa isso involuntariamente. O Inter é um clube grande e que tem que buscar títulos e chegar longe. Essa perda de foco não pode acontecer. Todos esperávamos que vencer o Gre-Nal fosse um ponto de partida para uma arrancada, mas acabou sendo ao contrário. Precisamos refletir”, diz Edenilson.

- Publicidade -

Apesar da temporada do Inter ter sido abaixo do esperado, o ano de 2021 para Edenilson ficará marcado em sua carreira. Com 15 gols em 54 partidas, o volante chegou a ser convocado por Tite para a Seleção Brasileira.

”Individualmente, foi um ano muito bom. Acredito que, na questão de números, tenha sido a minha melhor temporada. Aflorei mais meu lado ofensivo e para mim foi muito bom. Alcançar a Seleção foi um sonho incrível. Como time, o Inter queria uma vaga na Libertadores e uma melhor posição na tabela. Acho que o clube merece e a camisa pede, mas a gente falhou”.

Comentários do Facebook

- Publicidade -