Ex-goleiro do Inter foge de dívida milionária desde a década de 90

O ex-Inter Goycochea tem uma pendência com o ex-zagueiro Ruggeri que dura desde a década de 1990. Logo após deixar o Beira-Rio, em 1996, o goleiro pediu um empréstimo ao companheiro para o sogro realizar um investimento. O negócio, no entanto, não deu certo, e a dívida permanece até os dias atuais.

Ruggeri participou da operação junto com mais duas pessoas. As partes entenderam que teriam de ser ressarcidas. Já Goycochea alegou que o negócio era de risco, e, por isso, não cobraria percentual de um eventual lucro.

O assunto veio à tona mais de 20 anos depois do ocorrido. Hoje, ambos são comunicadores relevantes na televisão argentina. Goycochea, apresentador, foi perguntado durante um programa se aceitaria dividir a mesa para uma refeição com Ruggeri. Ele respondeu negativamente, descrevendo o ex-zagueiro e comentarista como “uma pessoa difícil”. Isso foi mais que suficiente para gerar um atrito.

Usando os seus espaços, o comentarista não hesitou ao se defender e criticar o ex-companheiro de seleção. Ambos estiveram juntos nos títulos da Copa América de 1991 e 1993, além da presença nas Copas de 1990 e 1994.

Nos bastidores, especula-se que o valor da dívida seria de 800 mil dólares. O apresentador alega que não tinha condições de arcar com o investimento na época, por isso solicitou a ajuda do comentarista.

O goleiro teve passagem apagada pelo Inter

Sergio Goycochea esteve no Beira-Rio entre os anos de 1995 e 1996. Ele pouco jogou com a camisa vermelha, e teve a passagem abreviada por uma lesão. O jogador ficou conhecido na carreira pelos pênaltis defendidos no Mundial de 90, pela seleção da Argentina.

Aposentado dos gramados, ele passou a apresentar programas esportivos e reality shows. Em 2021, atuou em um musical na Broadway, na peça ‘Bendito tú eres’.

Comentários do Facebook

- Publicidade -