Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Final da Copa Sul-Americana terá partida única e no Brasil

A grande decisão da Copa Sul-Americana será disputada no Brasil. A final da competição será jogada em Brasília, no estádio Mané Garrincha, no primeiro dia de outubro, um sábado. Será o segundo ano que a final da competição será em partida única, formato adotado pela Conmebol baseado nos campeonatos europeus.

Até chegar ao Mané Garrincha, no entanto, os times terão que passar pelas fases anteriores do mata-mata. Com o fim da fase de grupos, 16 equipes garantiram um lugar nas oitavas de final. Os confrontos dos primeiros duelos eliminatórios serão definidos por sorteio, que será realizado nesta sexta-feira (27), às 13h.

Caminho até a decisão da Sul-Americana:

Oitavas de final: 29 de junho (ida) e 6 de julho (volta);

Quartas de final: 3 de agosto (ida) e 10 de agosto (volta);

Semifinais: 31 de agosto (ida) e 7 de setembro (volta);

Final: 1º de outubro.

Segunda edição com final única

Aqui na América do Sul, nos acostumamos com as finais das competições do continente sendo jogadas em ida e volta. Foi assim durante muito tempo nas decisões da Libertadores e da Copa Sul-Americana. Porém, isso mudou em 2021.

A exemplo dos torneios disputados na Europa, como a Champions e a Europa League, a Conmebol passou a adotar a final única na temporada passada. Assim, as finais da Liberta e da Sula foram em um jogo só e em campo neutro.

Em 2021, a decisão da Sul-Americana foi em Montevideo, no Uruguai, no estádio Centenário. A vigésima edição do torneio teve pela primeira vez uma final brasileira, Athletico-PR x Red Bull Bragantino, vencida pelos paranaenses.