Inter age na surdina e pode liberar Moisés deixando o Corinthians sem dinheiro

Com a abertura da janela de transferências, um lateral pode estar próximo de deixar o Internacional, e a diretoria se movimenta para tentar render o máximo com isso. Moisés concedeu entrevista e admitiu que tem negócios em andamento com o CSKA Moscow. O clube russo monitora a situação do lateral há cerca de três dias e já realizou uma investida.

Porém, o Colorado não possui todos os direitos econômicos em uma venda do atleta, com isso, um empréstimo aparece como mais viável para o time. De acordo com informações divulgadas por Alexandre Ernest o Inter receberia 1,2 milhão de euros, cerca de R$ 6,4 milhões, pelo empréstimo, sendo o valor total para o Inter, já em caso de venda, o valor recebido é menor.

Consequentemente, caso o jogador fosse vendido, ao final do contrato, o Clube do Povo receberia esse valor menor pela venda, após ter recebido o valor do empréstimo integralmente. O time ainda tenta convencer o jogador à liberar uma parte de seus diretos.

Questionado sobre o interesse russo, Moisés admitiu que às especulações eram verdadeiras e afirmou que a decisão está sendo analisada junto ao seu agente. Os direitos do lateral estão divididos entre Inter, Corinthians e o próprio jogador, sendo 30% para o Clube do Povo, 40% para o Timão e 30% para o atleta.

Inter pode receber atacante em troca

Um novo rumor surgiu na manhã desse domingo, em que o jornalista Fábio Aleixo revelou a possibilidade do time da capital russa envolver um atacante na negociação. Trata-se de Adolfo Gaich, argentino que se destacou no San Lorenzo e foi vendido ao CSKA.

Depois de não se firmar no clube russo, Gaich acabou sendo emprestado para o Benevento, da Itália, como também, para o Huesca, da Espanha. Desse modo, o atacante poderá fazer parte da negociação pelo lateral.

Comentários do Facebook

- Publicidade -