Inter ainda deve valores da compra de Edenílson e Nico López

0

A situação financeira do Inter não é nada agradável. E o vice-presidente de futebol do clube, João Patrício Herrmann, revelou que ainda há dívidas pelas compras de Edenílson e Nico López. Os detalhes foram revelados em entrevista ao podcast GE Inter, do Globo Esporte.

“Até hoje não conseguimos liquidar essa conta com a Udinese. Estamos adimplentes, não há nada em atraso. Não existe problema. É um atleta que fizemos um alto investimento. Não podemos abrir mão de, no mínimo, recuperar esse investimento”, comentou.

Outro jogador contratado junto a Udinese foi Nico López, já vendido há quase duas temporadas. A ideia é usar a grana da venda de Vinicius Tobias para fazer parte deste pagamento. Em julho de 2016 o Colorado pagou 11 milhões de dólares (R$ 35,86 milhões na época) para comprar o uruguaio e em 2019 vendeu o jogador por 8 milhões de euros (R$ 36,55 milhões).

Por que o Inter deve as compras de Edenílson e Nico López?

Edenílson chegou ao Beira-Rio em 2017 e hoje é considerado um dos principais jogadores do clube. A situação financeira do Internacional é péssima, com milhões em dívidas para pagar já nos próximos meses.

A atual direção, do presidente Alessandro Barcellos, fechou as torneiras. A ideia inicial foi reduzir a folha, liberando jogadores que não seriam usados. Além disso, vender atletas e arrecadar cerca de R$ 90 milhões foi uma meta proposta.

O Inter tem muitas contas para pagar e as compras de Edenílson e Nico López entram nisso. A grana das vendas mal da para pagar as contas e no fim do ano é possível que o clube feche novamente no vermelho.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.