Inter confia na força do Beira-Rio para os próximos dois jogos

- Publicidade -

- Publicidade -

Após a derrota para o Palmeiras, o Inter terá dois jogos consecutivos dentro de casa e a força do Beira-Rio será um dos fatores decisivos para o clube tentar conquistar os seis pontos, em busca de uma vaga direta na fase de grupos da Libertadores.

O primeiro jogo será contra o Bragantino, na quinta-feira (21), às 20h, em partida válida pela 19° rodada do Campeonato Brasileiro. O confronto havia sido adiado por causa da convocação de Edenílson para o Brasil.

Em caso de triunfo, o Colorado ultrapassa o Massa Bruta e passa a compor o G-6 do Brasileirão. O Bragantino, que está em quinto com 42 pontos, vive bom momento e está invicto na competição há cinco jogos, após conquistar duas vitórias e três empates.

- Publicidade -

O jogo seguinte é contra o Corinthians, no domingo (24), às 16h, em partida válida pela 28° rodada da Série A. Assim como o Bragantino, o Timão é um adversário direto, já que está na sexta posição, com 40 pontos.

As duas partidas serão decisivas para o restante da competição, já que o Inter ganha duas posições e pode entrar no G-4 em caso de vitória nos dois jogos.

- Publicidade -

O primeiro confronto direto do Colorado foi disputado ontem (17), contra o Palmeiras, mas a partida acabou em 1 a 0 para os adversários, em jogo disputado no Allianz Parque.

Ficha técnica: Palmeiras 1 x 0 Internacional

Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data: 17/10/2021, domingo
Horário: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC-Fifa)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (SC-Fifa) e Alex dos Santos (SC)
Público: 11.111
Renda: R$ 635.538,98
Cartões amarelos: Felipe Melo, Rony (PAL); Patrick, Cuesta, Mercado, Heitor (INT)
Cartão vermelho: Edenilson (INT)
Gol: Palmeiras: Raphael Veiga, aos 6 minutos do segundo tempo

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gómez, Piquerez; Felipe Melo (Danilo Barbosa), Zé Rafael (Patrick de Paula), Raphael Veiga (Deyverson), Dudu (Scarpa); Rony e Luiz Adriano (Breno Lopes)
Técnico: Abel Ferreira

Internacional: Marcelo Lomba; Saravia (Heitor), Mercado, Cuesta, Moisés; Rodrigo Dourado, Johnny (Zé Gabriel), Edenilson, Taison (Maurício), Patrick (Palacios) e Yuri Alberto
Técnico: Diego Aguirre

Comentários do Facebook

- Publicidade -