Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Inter cresce o olho e quer mais contratações

O Internacional segue em busca de reforços para equipe que disputará a temporada de 2023. Há o entendimento que a prioridade do momento é a contratação de pelo menos um volante, mas existe a possibilidade de dois chegarem para a posição.

Apenas três jogadores do atual elenco comandado pelo técnico Mano Menezes ocupam a posição . Johnny e De Pena são os titulares para este início de temporada, já Matheus Dias é tratado como um grande promissor, mas ainda necessita de experiência.

Gabriel Baralhas, do Atlético-GO, está perto de fechar com o Internacional para reforçar a equipe e assumir a vaga. As conversas avançaram nessa semana e o negócio é tratado com otimismo por ambas as partes.

Outro atleta que a direção tentou buscar foi o volante Gustavo Cuéllar, que teve uma ótima passagem pelo Flamengo e atualmente defende o Al-Hilal, da Arábia Saudita. Porém, o clube árabe está punido pela FIFA com um transferban, sendo proibido de contratar jogadores, por isso, não quer liberar nenhum atleta do atual elenco.

Mano Menezes assume a culpa pela falta de reforços

Até o momento apenas o lateral-direito Mário Fernandes e o goleiro John foram anunciados como novos reforços do Internacional para a temporada de 2023. Ambos chegam ao Beira-Rio por empréstimo de uma temporada. Mário, cedido pelo CSKA Moskou, da Rússia e John pelo Santos.

A ausência de reforços tem incomodado parte da torcida Colorada que vê o seu maior rival, o Grêmio, contratando diversos jogadores, entre eles, o centroavante mundialmente conhecido, Luis Suárez. Ao todo, o Tricolor Gaúcho já anunciou dez reforços.

Contudo, durante entrevista coletiva realizada na última quarta-feira (18), o técnico Mano Menezes assumiu a culpa pela falta de reforços. O treinador disse não estar preocupado e que a demora nas contratações são causadas pela busca por jogadores que de fato acrescentem algo ao time. “Eu sou parte culpada por essa demora, porque estabelecemos um grau de exigência mais alto”, disse o treinador em entrevista coletiva.