Inter escalado com Johnny e Galhardo para enfrentar o América-MG

0

O Internacional está definido pelo técnico Diego Aguirre para enfrentar o América Mineiro logo mais, às 20h30, no Independência, em Belo Horizonte (MG), pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

O uruguaio optou por escalar dois volantes que teoricamente brigariam pela mesma vaga: Rodrigo Dourado e Johnny. A tendência é o segundo, que entra no lugar de Edenilson, sair se lançar mais ao ataque.

Na frente, Aguirre priorizou apenas um atacante de ofício com Thiago Galhardo. Yuri Alberto começa no banco. Uma novidade é a estreia do jovem Juan Cuesta, de 19 anos, entre os relacionados.

Após se recuperar da covid-19, Renzo Saravia está de volta ao time titular. O lateral-direito testou positivo para a doença no último dia 15 e desde então não estava apto a jogar pelo Colorado. Na esquerda, Moisés segue fora com uma lesão muscular na coxa. Em seu lugar entra novamente Heitor, lateral-direito de origem.

Zé Gabriel, que atuou na lateral contra a Chapecoense, foi substuído no decorrer da partida por conta de um problema na coxa e também é desfalque. Outro que não joga é Caio Vidal, expulso no final do jogo de quinta-feira.

Foto: Reprodução Twitter/Internacional

Escalações de América-MG x Internacional pelo Brasileirão

Desta maneira, o Clube do Povo está oficialmente escalado com: Daniel; Renzo Saravia, Lucas Ribeiro, Cuesta, Heitor; Rodrigo Dourado, Johnny, Mauricio, Lucas Ramos, Patrick; Thiago Galhardo.

Ficam como opção no banco de reservas os goleiros Anthoni e Vitor Hugo, os laterais Lucas Mazetti e Leo Borges, o zagueiro Pedro Henrique, os volantes Rodrigo Lindoso e Nonato, o meia Edenilson e os atacantes Juan Cuesta, Vinicius Mello e Yuri Alberto.

Já o Coelho, comandado pelo técnico Vagner Mancini, vai a campo com: Matheus Cavichioli, Eduardo, Eduardo Bauermann, Anderson, Alan Ruschel; Zé Ricardo, Juninho Valoura, Marcelo Toscano, Felipe Azevedo; Rodolfo e Ribamar.

Arbitragem: Braulio da Silva Machado, auxiliado por Kleber Lucio Gil e Henrique Neu Ribeiro. Trio catarinense. O VAR fica por conta de Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ).

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.