Defesa do Inter falha de novo e Medina promete novidades

Novamente os erros defensivos foram vistos na atuação do Internacional. Desta vez, a falha custou caro, e a derrota para o Atlético-MG foi inevitável para o time na estreia pelo Brasileirão 2022. Após a partida, o técnico Alexander Medina falou sobre o jogo, e, principalmente, a respeito do primeiro gol.

“Foi um erro em uma situação que estava controlada. Foi um gol bastante fácil que concedemos. Isso dá ânimo ao rival. Temos de trabalhar para isso não acontecer mais. A verdade é que não estou feliz com os gols que concedemos, totalmente evitáveis”, disse o uruguaio sobre o gol que abriu o placar.

No primeiro gol da partida, Hulk aproveitou vacilo da defesa colorada e fez o primeiro. Após cobrança de escanteio, o Inter não conseguiu afastar o perigo da área em duas oportunidades, e o adversário acabou aproveitando. Para o treinador, o segundo tempo da equipe foi bom e poderia ter chegado ao empate.

“Foram dois tempos distintos. Em um tempo, o Atlético-MG foi melhor. No segundo, nós dominamos. Tivemos uma troca na atitude e no posicionamento. Mudamos o sistema e demos mais amplitude. Tivemos algumas oportunidades. Depois tomamos o segundo gol quando estávamos em cima. O empate me parecia o mais justo”, afirmou.

Inter de Cacique Medina coleciona falhas e erros individuais

Coletivamente, o Colorado apresentou muito pouco até aqui na temporada. São poucos os momentos em que o time conseguiu mostrar um bom futebol.

Devido ao fraco desempenho coletivo, o mal momento dos jogadores fica evidente. Talvez, a única exceção seja Taison, que ainda mantém bom nível, embora não seja todo o seu potencial.

Um trabalho ruim a nível de equipe, deixa os atletas em campo expostos com frequência. Esse é o caso, principalmente, do sistema defensivo. Zagueiros e laterais do Clube do Povo cometem erros constantes e acabam sendo alvo das críticas da torcida.

Comentários do Facebook

- Publicidade -