Lugano detona o VAR: “O que aconteceu com o Inter foi ridículo”

- Publicidade -

- Publicidade -

Lugano participou do Podcast Flow Sport Club e falou sobre as decisões adotadas pela arbitragem que prejudicaram o Internacional no Campeonato Brasileiro 2020. O ex-jogador afirmou que as interferências do VAR não foram tomadas da forma correta.

“A definição do ano passado do Brasileirão foi ridícula. Eu que sou esportista fiquei com vergonha, como em tantas vezes. O que fizeram com o Inter foi ridículo, mas não foi a favor do Flamengo, foi a favor da corporação”, salientou Lugano.

- Publicidade -

O ex-jogador citou a expulsão de Rodinei, que foi expulso na derrota por 2 a 1 para o Flamengo, e afirmou que o lance era interpretativo e não devia ser motivo para cartão vermelho.

“Eu não interpreto o ano passado, com aquela expulsão do jogador do Inter (Rodinei) que foi ridícula (…) se eu não interpreto que é para vermelho, você não ganha”, disse o ex-jogador.

A derrota para o Flamengo custou caro e o Colorado acabou perdendo o título por causa disso, já que terminou a competição com um ponto a menos em relação ao time carioca.

- Publicidade -

Lugano permaneceu com as criticas ao VAR e disse que decisões interpretativas não podem receber interferência do auxílio do vídeo.

“Isso dá muita margem para coisas mais obscuras. Em vez de trazer mais transparência, trás coisas mais obscuras. Eu estou convencido porque eu vivi (…) quando eu vi o VAR, que você interpreta, eu relembro tudo que passei e isso multiplica por 100 em relação ao que eu já passei”, afirmou o uruguaio.

Internacional segue focado no Brasileirão

O Internacional enfrenta o Juventude nesta quarta-feira (10), às 21h30, no Estádio Beira-Rio, em partida válida pela 31° rodada do Campeonato Brasileiro. O Colorado está focado na competição e segue em busca de uma vaga direta na fase de grupos da Libertadores.

Confira a provável escalação do Inter: Marcelo Lomba; Mercado (Heitor), Bruno Méndez, Cuesta e Paulo Victor; Rodrigo Dourado, Rodrigo Lindoso, Edenilson e Maurício; Carlos Palacios e Yuri Alberto.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

8 técnicos para comandar o Internacional em 2022