Estatísticas mostram que Inter amassou o Grêmio no clássico 435

O Internacional não tomou conhecimento do rival e amassou o Grêmio no clássico de número 435, no Beira-Rio. Pressionado pelo início ruim de temporada, o time de Alexander Medina mostrou poder de reação e fez a melhor partida no ano. Enquanto o outro lado do GreNal ficou preocupado com o extra-campo.

As estatísticas mostram que o 1 a 0 no placar final não traduziu o que foi o jogo. O Colorado dominou do início ao fim. Foram 63% de posse de bola contra 37%, e 18 finalizações contra 4. Foi a primeira partida da temporada na qual o torcedor pôde se empolgar com a equipe, que atravessava um momento turbulento.

Números do GreNal:

Posse de bola: 63% – 37%

Finalizações: 18 – 4

Escanteios: 9 – 1

Faltas cometidas: 14 – 16

Precisão de passes: 84% – 77%

Passes completos: 474 – 209

Inter venceu em campo, enquanto o Grêmio olha para os tribunais

A partida desta quarta-feira (9) demonstrou o porquê de um clássico ser diferente de tudo. O Colorado estava sem rumo, desempenhando um péssimo futebol e tendo resultados abaixo do esperado. Entretanto, bastou encontrar o rival para tudo mudar e a perspectiva para o ano mudar.

Com a vitória por 1 a 0, os torcedores voltam a acreditar no trabalho de Cacique Medina e na capacidade individual dos jogadores. No jogo que antecedeu o GreNal, contra o Aimoré, todos haviam sido vaiados pelo público presente no Beira-Rio.

Enquanto isso, os gremistas esqueceram de jogar o clássico dentro de campo. Eles ficaram mais preocupados em tentar punir o Colorado na véspera do duelo, e agora podem continuar com a atenção no TJD-RS. Ambos os clubes serão julgados na próxima semana pelo caso de violência do dia 26 de fevereiro.

Comentários do Facebook

- Publicidade -