Inter protocola reclamação na CBF sobre arbitragem do jogo contra Athletico

0

O Internacional protocolou nesta terça-feira (27) uma reclamação formal para a Ouvidoria de Arbitragem da CBF em razão da arbitragem utilizada na partida contra o Athletico-PR, no último domingo, pela décima terceira rodada do Brasileirão.

O motivo principal foi a anulação do gol de Caio Vidal, aos 40′ do primeiro tempo. Logo no começo da jogada, o Heitor e Vitinho dividiram e o lance seguiu por bastante tempo até o gol do atacante colorado. Após consulta ao VAR, o árbitro Thiago Luis Scarascati reverteu a decisão, marcando falta do lateral do Inter.

De acordo com o portal GZH, apesar de possuírem o direito de pedir o áudio das conversas entre juiz e a cabine do árbitro de vídeo (capitaneada por José Claudio Rocha Filho), os dirigentes gaúchos optaram por enviar o ofício sem ouvir as intervenções.

Foto: Reprodução Twitter / Internacional

Em súmula, árbitro relata ofensas de dirigentes do Inter

O Internacional não deixou barato o gol anulado de Caio Vidal. Diversas pessoas ligadas ao Colorado proferiram ofensas ao árbitro, que relatou tudo na súmula da partida. Apesar das reclamações virem dos mais diferentes lugares, Thiago Luis Scarascati conseguiu identificar apenas três pessoas.

Segundo o juiz, o preparado físico Paulo Paixão teria dito na saída para o intervalo que a atuação da arbitragem era uma “palhaçada” e que “acabou com o jogo”. Já no fim, o presidente Alessando Barcellos e o diretor executivo Paulo Bracks teriam o chamado de “ladrão” e “safado”.

Todos os envolvidos na situação devem passar por julgamento do STJD e podem ser proibidos de frequentar os jogos do clube por um ou mais jogos.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.