Internacional achou seu cobrador de faltas? Histórico de Alan Patrick empolga

Um problema recorrente do Internacional tem sido as cobranças de faltas diretas a meta do adversário. Nos últimos dois anos, o Clube do Povo converteu apenas dois gols dessa maneira. No entanto, o time de Mano Menezes acaba de receber reforços para tentarem resolver o impasse.

O aproveitamento baixo da equipe vinha ocorrendo pela falta de opções de cobradores. Depois da saída de Paolo Guerrero, o clube passou a revezar os batedores a cada partida. Algo que ilustrou a dificuldade foi o ingresso de Victor Cuesta nas cobranças. O zagueiro se tornou o principal batedor, mesmo sem experiência na função.

No entanto, o cenário pode mudar com o ingresso de Alan Patrick. No duelo contra o Juventude do último domingo (8), o camisa 10 deu amostras da qualidade com a bola parada. Em seu primeiro lance após o retorno ao Inter, o meia quase marcou com uma cobrança de falta no ângulo direito defendida pelo goleiro César.

Quando ainda era jogador do Flamengo, Alan Patrick marcou dois belos gols de bola parada. O jogador passou a assumir a função no Rubro-Negro, já que no Inter a responsabilidade era de D’alessandro.

As opções do Internacional para bola parada

Além do camisa 10, Mano Menezes poderá explorar a qualidade do uruguaio Carlos De Pena nas cobranças. O último gol da equipe partiu de um cruzamento do jogador para Vitão, que com uma cabeçada estufou as redes do Juventude.

Alan Patrick logo deverá assumir a titularidade da equipe. Sendo assim, o Inter incorpora munições ofensivas ao elenco. Com o modelo reativo adotado pelo treinador, explorar as jogadas de bola parada pode ser uma opção interessante para vencer partidas.

Comentários do Facebook

- Publicidade -