Internacional perde um mando de campo por celular arremessado em Lucas Silva no GreNal 436

O Internacional foi condenado pelo arremesso de um celular no volante do Grêmio Lucas Silva durante comemoração de gol no GreNal 436. Segundo matéria divulgada pela GZH, o Inter perderá um mando de campo em competições organizadas pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF) e também terá que pagar uma multa de R$ 30 mil reais.

O julgamento aconteceu na última sexta-feira, 8, onde o clube foi absolvido da acusação de cânticos com termos homofóbicos. O lateral Paulo Vitor também foi julgado, mas recebeu apenas uma advertência pela expulsão durante a partida, além, claro, da expulsão automática já cumprida. O cartão vermelho veio depois de uma dividida com Capaz.

Torcedor também foi punido

Na quinta-feira, 7, o torcedor que assumiu ter arremessado o celular no jogador do Grêmio também foi punido. Paulo Estefan Pereira da Silva, de 22 anos, terá que pagar R$ 1 mil para o projeto social Geração Tricolor. O valor será pago em 12 vezes de R$ 83, 33, segundo a publicação. Além da multa, o torcedor não poderá ir a nenhuma estádio de futebol em que o Inter jogar durante o período de um ano.

Comentários do Facebook

- Publicidade -