Internacional prepara data para anunciar novo vice de futebol

Emílio Papaléo Zin pediu o seu desligamento da vice-presidência de futebol do Internacional na última semana e agora o time se move nos bastidores para acertar uma nova cara para o cargo. O título vem ficando mais decorativo com a profissionalização do futebol colorado. No entanto, o clube ainda precisa de um nome em breve.

Nenhum dos vice-presidentes eleitos, Dannie Dubin, Arthur Caleffi, Luiz Carlos Borotolini e Humberto Busnello, poderá assumir o cargo, de acordo com o estatuto social colorado. Exatamente segundo o capítulo 3, inciso 4º, do documento: “o exercício de mandato no Conselho de Gestão é incompatível com a investidura para o desempenho do cargo do Vice-Presidente especializado”.

Atualmente o diretor Paulo Autuori é quem analisa e sugere nomes para serem estudados como possíveis reforços do Clube do Povo, enquanto o executivo William Thomas que toma à frente nas negociações para o acerto com as partes. O Centro de Análise e Prospecção de Atletas do clube (CAPA), também aparece como parte ativa na busca e análise de reforços para o time.

Nomes cotados para a vice-presidência de futebol do Internacional

Atualmente nenhuma proposta foi oficializada para a vaga, mas alguns nomes já foram sondados. Um velho conhecido na diretoria, João Patrício Herrmann, que já assumiu o cargo na gestão de Barcellos, foi cotado, mas ele não vê com bons olhos o retorno.

Felipe de Oliveira, atual diretor geral da base do Inter, também já foi cotado para a vaga, mas também não quer aceitar a proposta. Oliveira poderia atuar como uma ligação entre os movimentos políticos do Inter.

Felipe Becker, diretor do time sub-20, já tem experiência com passagem pelo Aimoré. Ele já deixou claro que não pretende permanecer no futebol de base por muito tempo. Ambos os Felipes talvez queiram ter cargos mais ativos que o de Papaléo, tendo em vista seus trabalhos.

Comentários do Facebook

- Publicidade -