Internacional tenta administrar número de estrangeiros no elenco; Veja quem perde espaço

0

O Inter está com excesso de estrangeiros no elenco e Diego Aguirre pode ter problemas na hora de relacionar os jogadores. Isso porque o Colorado conta atualmente com 7 estrangeiros no time, mas, segundo o regulamento, só poderá usar 5 por jogo.

Conforme a regra: “Os Clubes poderão relacionar nas súmulas de cada partida até 5 (cinco) atletas estrangeiros, excepcionados os registrados como refugiados que, para efeitos das competições coordenadas pela CBF, equiparam-se aos atletas nacionais, sem nenhuma restrição de direitos”.

O regulamento é prejudicial para o Colorado, já que há, atualmente, 7 estrangeiros no elenco, sendo eles:

Paolo Guerrero – Peru;
Victor Cuesta – Argentina;
Bruno Méndez – Uruguai;
Renzo Saravia – Argentina;
Gabriel Mercado – Argentina;
Carlos Palacios – Chile;
Juan Cuesta – Colômbia.

Para lidar com a situação, o treinador Diego Aguirre terá que tirar dois jogadores dos relacionados.

Situação só se desencadeou agora pois a janela abriu e Gabriel Mercado está liberado para jogar. Paolo Guerrero também apareceu recentemente, já que o centroavante retornou aos gramados após a lesão na semana passada.

Tendência é de que Juan Cuesta, que está se destacando na base e estava sendo relacionado para jogar com os profissionais, fique atuando apenas com o Sub-20 do Internacional.

A outra vaga ainda está em aberto, mas, ao que tudo indica, Guerrero e Palacios terão suas vagas garantidas, enquanto Mercado disputará a vaga com Saravia, Méndez e Cuesta.

Regulamento entrou em ação no último jogo

No empate em 0 a 0 contra o Cuiabá, na semana passada, Juan Cuesta já havia ficado de fora por causa da regra. O atleta, que continua jogando pelo Sub-20, estava sendo relacionado há 3 jogos.

Os 5 jogadores que ocuparam as vagas na partida foram: Victor Cuesta, Bruno Méndez, Renzo Saravia, Carlos Palacios e Paolo Guerrero.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.