Internacional vendeu uma das maiores promessas do mundo

0

O jornal inglês The Guardian anunciou nesta quinta-feira (7), uma lista com os 60 jogadores mais promissores que são nascidos em 2004. Quatro brasileiros fazem parte: Ângelo (Santos), Matheus Nascimento (Botafogo), Savinho (Atlético-MG) e Vinicius Tobias (Internacional, negociado com o Shakhtar).

O lateral-direito Vinicius Tobias foi vendido por 6 milhões de euros (R$ 36,8 milhões na cotação atual) e vai viajar à Ucrânia em fevereiro de 2022, quando completa 18 anos.

“Há muito que trabalhamos neste jogador. Começamos quando ele tinha 16 anos, no ano passado. Negociamos, mas depois não acordamos. Isso durou cerca de seis meses. Chegamos agora a um acordo com o Inter de que Vinicius será transferido para nós em fevereiro de 2022. Contamos muito com ele e acreditamos nele, pensamos que no futuro se tornará um jogador da equipe titular da seleção brasileira”, afirmou Palkin, dirigente do Shakhtar Donetsk.

O jornal fez um comentário sobre a origem do jogador e destacou a semelhança com a história de outras estrelas brasileiras. “Tem a história típica de um jogador de futebol brasileiro de origem pobre que via no esporte uma forma de ter uma vida melhor. Nascido em São Paulo e criado na Favela do Buraco Quente com cinco irmãos, não teve uma educação fácil”, publicou.

As medidas do Internacional para lidar com os problemas financeiros

O atleta de 17 anos nunca jogou pelo profissional do Inter e foi vendido de forma precoce para o clube sanar as dívidas e atingir a meta de R$ 90 milhões com vendas de jogadores.

O presidente Alessandro Barcellos decretou as medidas pois em 2020 o clube enfrentou o maior deficit da história, com um prejuízo de cerca de R$ 90 milhões.

Além de Vinicius Tobias, jogadores como Bruno Praxedes (Bragantino), Thiago Galhardo (Celta de Vigo), João Peglow (Porto) e Léo Borges (Porto) foram negociados.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.