11 jogadores podem deixar o Internacional em dezembro

Ao todo, onze atletas podem sair do Internacional ao fim da temporada. Alguns jogadores têm contrato de empréstimo se encerrando no último dia do ano, enquanto outros pertencem ao clube e também têm os seus vínculos chegando ao fim. Além disso, há a situação de Bruno Méndez e Andrés D’Alessandro.

Aqueles que estão no Beira-Rio por empréstimo, podem permanecer no clube caso exista uma cláusula e a diretoria exerça o direito de compra. Há os jogadores que têm contrato com o clube, mas estão em fim de vínculo, e podem acabar saindo de graça.

Emprestados ao Inter até o fim do ano:

  • Wesley Moraes – pertence ao Aston Villa
  • Liziero – pertence ao São Paulo
  • Gustavo Maia – pertence ao Barcelona B
  • Kaique Rocha – pertence a Sampdoria-ITA

Jogadores que pertencem ao Inter:

  • Rodrigo Dourado
  • Gabriel Boschilia
  • Rodrigo Lindoso
  • Natanael
  • Rodrigo Moledo
  • Gabriel Mercado
  • Roberto

É bom lembrar que esses jogadores pertencem ao Inter e têm contrato até o dia 31 de dezembro. Ou seja, caso não renovem o vínculo até o meio do ano, ficam livres para assinar um pré-contrato em junho com qualquer outro clube e sair de graça.

Bruno Méndez e D’Ale: jogadores deixam o Internacional no meio do ano

Bruno Méndez pertence ao Corinthians e foi cedido ao Colorado até o fim de junho. Para ter 50% dos direitos dele, a diretoria teria que desembolsar 6 milhões de dólares (aproximadamente R$ 33,2 milhões). Hoje, o uruguaio é um dos principais, se não o mais, zagueiros do plantel.

Já D’Ale assinou contrato até o dia 30 de abril para encerrar a carreira. O intuito do argentino é se despedir dos gramados durante o Campeonato Gaúcho de 2022. Depois, especula-se que ele continuaria no clube e assumiria um cargo na diretoria.

Comentários do Facebook

- Publicidade -