Jogadores do Inter contrariam a direção e assinam pedido de não adiamento

0

Os jogadores de 19 clubes da Série A assinaram um documento pedindo para que a CBF não adie os jogos do Brasileirão que serão disputados durante a data FIFA pois eles não querem que o campeonato dure mais que a data prevista (5 de dezembro).

O pedido foi assinado por jogadores do Internacional, América-MG, Chapecoense, Atlético-GO, Ceará, Athletico, Atlético-MG, Cuiabá, Bahia, Juventude, Fluminense, Fortaleza, Grêmio, Red Bull Bragantino, Santos, São Paulo, Palmeiras, Corinthians e Sport. A única equipe que não teve nenhum atleta participando do movimento foi o Flamengo.

No ano passado os jogadores tiveram o calendário ajustado por causa da pandemia, e isso afetou as férias e consequentemente o desempenho durante o retorno. Por esse motivo, os atletas não querem que as datas mudem novamente.

A CBF informou que os clubes que tivessem jogadores convocados para a Seleção Brasileira teriam os jogos adiados durante a data FIFA.

O problema é que existem poucas datas disponíveis no calendário e por esse motivo a Confederação Brasileira cogitou a possibilidade de adiar o fim da competição.

As possibilidades estão sendo avaliadas e a expectativa é de que a decisão sobre o assunto seja anunciada ainda nesta semana.

Inter ainda pode ter os jogos adiados

O Colorado está envolvido na situação pois Edenílson foi convocado para a Seleção Brasileira, por isso o Inter deveria ter todos os jogos durante a data FIFA adiados.

Apesar de toda a situação, o elenco do Colorado se uniu aos outros jogadores e fez parte do movimento contra o adiamento do calendário.

Caso a data dos jogos não sejam alteradas, o Inter joga contra Ceará, Chapecoense e América-MG ainda neste mês, e o retorno do público deixará de ser contra o Bragantino e será contra a equipe catarinense.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.