Internacional ganha cara nova com a gurizada

- Publicidade -

- Publicidade -

Um dos objetivos de campanha do atual presidente do Inter, Alexandre Barcellos, em 2020, era o de rejuvenescer o elenco do Internacional. As duas últimas partidas do clube fora de casa demonstram de fato essa mudança no grupo de jogadores. Os atletas que compuseram o banco de reservas do Colorado eram todos nascidos após o ano 2000.

Em comparação com o elenco da temporada passada, a média de idade do atual grupo diminuiu em um ano. Em 2 de dezembro de 2020, pela Libertadores, em Buenos Aires, contra o Boca Juniors, a média de idade dos jogadores era de 25,3. Atualmente, o elenco que conta com 32 atletas, tem média de idade de 24,3.

- Publicidade -

A respeito disso, Alexandre Barcellos disse à Rádio Gaúcha que o Inter está com “duas equipes sub-20”. Enquanto uma disputa a final do Brasileirão da respectiva categoria, a outra está a disposição no banco de reservas do time principal.

Gurizada do Inter

É certo que os desfalques ajudaram a impulsionar a presença dos garotos no último jogo contra o Cuiabá. Seja por suspensão ou lesão, foram oito desfalques: Cuesta, Moisés, Maurício, Daniel, Lindoso, Taison, Moledo e Vinicius Mello.

- Publicidade -

E, para a partida contra o Flamengo, no Beira-Rio, no próximo sábado (20), às 21h30min, algumas dessas ausências voltarão, como Cuesta e Moisés. Lindoso e Taison também podem retornar, mas dependem de avaliação do departamento médico. 

Porém, Maurício, de 20 anos, que é considerado uma espécie de 12º titular, retorna e estará à disposição da comissão técnica.

Além de Maurício, outros jovens vem ganhando destaque: os laterais Vinicius Tobias e Thauan Lara e os atacantes Nicolas, Juan Cuesta e Matheus Cadorini. 

Há intenção por parte do Inter de conceder bagagem e minutos a esses atletas na próxima temporada.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

8 técnicos para comandar o Internacional em 2022