Léo Baptistão, alvo do Inter, decidiu local onde vai jogar

0

Enquanto monitora a situação do atacante Léo Baptisão, o Internacional recebeu uma boa notícia na tarde desta quinta-feira (12). De acordo com o jornalista Vagner Martins, através do seu “Canal do Vaguinha”, o atacante já contou a pessoas próximas que o seu destino será mesmo o Brasil.

Segundo o repórter, o atleta já manifestou o desejo de voltar à terra natal para jogar no âmbito profissional pela primeira vez aqui e entende que sua passagem pelo futebol europeu, por ora, será encerrada. Cria da base da Portuguesa-SP, o jogador de 28 anos foi cedo para o Velho Continente, passando por Rayo Vallecano, Atlético de Madrid, Real Bétis, Villarreal e Espanyol.

Vagner Martins ainda apurou o Internacional está na frente na corrida por Léo Baptistão. Outros clubes brasileiros também estariam interessados em adquirir o jogador (dentre eles o Palmeiras), mas é o Colorado que está mais próximo de encaminhar a contratação.

Alexandre Ernst, do portal Vozes do Gigante, informou que a proposta do Inter é de três anos de contrato e salário de cerca de R$600 mil mensais. O jogador recebia US$1,2 milhão/ano, algo próximo dos R$525 mil por mês, antes de rescindir seu contrato com o Wuhan FC (China), seu último clube.

Foto: AFP PHOTO / PIERRE-PHILIPPE MARCOU

Baptistão vem, Yuri Alberto vai? O que será do ataque do Inter?

A chegada de Léo Baptistão, centroavante alto e imponente, pode gerar dúvidas. No entanto, A informação de Vagner Martins é que uma contratação nada tem a ver com a outra. O Inter aguarda uma oferta boa para vender Yuri Alberto, mas essa oferta pode não ser que chegue agora pela fase recente que o jogador passou.

Os dirigentes colorados já receberam propostas na casa dos 9 e 10 milhões de euros, mas trabalham com o valor de 15 milhões de euros (R$ 91,8 milhões) para sua transferência. Até lá, Léo Baptistão e Yuri Alberto brigariam por posição juntamente com Guerrero e Thiago Galhardo.

Com os três gols anotados na goleada contra o Flamengo no último domingo, a tendência é que o técnico Diego Aguirre dê mais chances ao atleta jogando lá na frente como referência, mas também mostrando sua velocidade e dinâmica de movimentação ao longo da partida.

O treinador, porém, ainda precisa apostar na retomada da boa forma do jovem dianteiro. Yuri Alberto não teve um primeiro semestre bom, e assim como seu companheiro de ataque Thiago Galhardo, viveu um jejum de gols nos últimos meses.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.