Lisca revela o jogador mais incrível que viu na base do Inter

- Publicidade -

- Publicidade -

Lisca Doido falou sobre Alexandre Pato em entrevista ao podcast “Bebendo e Falando” e afirmou que foi o jogador mais incrível que ele já encontrou na base do Internacional, sendo o mais diferenciado em questão de recurso técnico.

“De recurso técnico sim. De todos os fundamentos. Era diferente. Perna direita, perna esquerda, recepção, giro pros dois lados, cabeceio, chute de direita, de esquerda, aceleração, ágil, troca de direção, né. Eu costumo dizer que ele é a evolução da espécie. Veio um, veio outro, eles foram evoluindo e ganhando mais qualidade, e chegou em um jogador daquele nível ali”, afirmou o treinador.

- Publicidade -

Para Lisca, Alexandre Pato tinha uma qualidade que jamais foi vista em comparação aos outros jogadores da base do Colorado, mas mesmo assim pregou respeito aos outros atletas que passaram pelo clube.

“Agora, não posso desprezar um Daniel Carvalho, um Sóbis, um Nilmar. O Nilmar também era um fenômeno”, salientou Lisca.

Atualmente, Alexandre Pato está com 32 anos e tem contrato com o Orlando City até dezembro de 2021, mas jogou poucas partidas pelo clube pois foi operado no joelho.

- Publicidade -

Do Inter para o mundo: A ascensão de Pato

O jogador apareceu precocemente no Internacional e rapidamente ganhou posição de destaque, assumindo a titularidade na final do Mundial de Clubes em 2006, contra o Barcelona, aos 17 anos de idade.

A ascensão meteórica de Alexandre Pato fez o jogador ser transferido para o Milan em 2007, por 24 milhões de euros, e convocações para a Seleção Brasileira se tornaram frequentes.

Apesar do sucesso, o atacante acabou enfrentando diversas lesões e decaiu de nível, sendo transferido alguns anos depois para o Corinthians. Desde então, passou por clubes como Chelsea, Villarreal e São Paulo.

Comentários do Facebook

- Publicidade -

8 técnicos para comandar o Internacional em 2022