Liziero pode repetir os passos de jogador odiado por colorados. Entenda

- Publicidade -

- Publicidade -

O Internacional contratou o volante Liziero por empréstimo com opção de compra. Revelado pelo São Paulo, o jogador de 23 anos vem de um ano ruim pelo Tricolor Paulista e a tendência é de que assuma a titularidade no Colorado.

A jornada de Liziero pode se assemelhar a de um jogador odiado pela torcida do Internacional. O volante Maicon estava em baixa no São Paulo e veio para o Grêmio, virando ídolo do clube.

As caracteristicas dentro de campo dos dois jogadores são bem parecidas: ambos não são grandes marcadores e não tem foco nisso, porém buscam os passes curtos e iniciam a construção de jogo.

- Publicidade -

Liziero está treinando no Internacional e pode ser escalado pelo técnico Alexander Medina. O atleta veio para brigar pela titularidade e é provável que assuma a vaga de Rodrigo Dourado. O jogador atuará como um segundo volante.

O Colorado continua a preparação e o treinador ainda está definindo a escalação que será utilizada nesse início de trabalho. O Internacional terá o primeiro desafio no dia 26 de janeiro (quarta-feira), às 16h, contra o Juventude, no Estádio Alfredo Jaconi, pela estreia do Campeonato Gaúcho 2022.

- Publicidade -

A apresentação de Liziero

Liziero foi apresentado pelo Internacional e concedeu entrevista coletiva. O jogador falou sobre a chegada ao Colorado e revelou conversas com o técnico Alexander Medina

“Ele (Medina) também me passou que quer me ajudar muito e estou aqui para evoluir muito. O Inter é diferente do São Paulo e estou aqui para conquistar títulos. D’Alessandro e Taison são ídolos aqui e quero absorver o máximo o que eles puderem me ajudar, estou sempre disposto a aprender”, disse o volante.

Liziero ainda falou sobre a posição em que joga dentro do campo e explicou o seu estilo de jogo. Apesar disso, afirmou que está disposto a ajudar o Inter de qualquer maneira.

“Sou um volante de construção. Domino de bola, passe e obstrução do espaço. Na base joguei de lateral. Atuo tanto de 5 como de 8, mas estou disposto a fazer o que o professor pedir. Me sinto bem nas duas funções e sei da qualidade que temos aqui. O mais importante é ajudar o Inter”, salientou o atleta.

Comentários do Facebook

- Publicidade -