Mano Menezes: Barcellos apara arestas e treinador aguarda ok da direção para fechar

Após a negociação com Mano Menezes esfriar, na manhã desta terça-feira, um contato feito pelo presidente do clube, Alessandro Barcellos reaqueceu as tratativas. A primeira movimentação da direção não agradou a Mano pelos valores e condições propostos: salário abaixo dos 500 mil por mês, multa rescisória de três salários e vínculo somente até o fim do ano. Após o contato entre o mandatário e o treinador, a negociação evolui e as duas partes podem ceder para o acordo ser fechado.

A contraproposta feita por Mano apresentou um aumento no salário. O que consequentemente significa também um aumento no valor da multa rescisória. A ideia foi levada por Alessandro Barcellos para os pares diretivos e uma resposta será dada a qualquer momento. Ainda assim, tempo de contrato não seria alterado.

A ideia da direção é anunciar Mano ainda hoje, para que amanhã pela manhã ele possa estar presente na reapresentação do grupo de jogadores.

Comentários do Facebook

- Publicidade -