Mano vê equilíbrio, mas acredita que Inter deixou 2 pontos em Cuiabá

O Internacional está a 10 jogos sem perder, sendo 8 deles sob o comando de Mano Menezes. No entanto, a maior dificuldade do colorado persiste: vencer. Este é o quarto empate seguido do time vermelho no Brasileirão e mais uma vez Mano acredita que o Inter perdeu a oportunidade de vencer e garantir os 3 pontos.

“Foi um jogo de competição, como esperávamos, pela característica. No primeiro tempo foi parelho, com poucas oportunidades. Poderíamos ter feito uma criação melhor, fomos a frente, mas finalizamos pouco. Segundo tempo eles fizeram o gol cedo, a gente mexeu na equipe. Tava previsto, íamos mexer de qualquer jeito. Melhoramos, empatamos, podíamos ter vencido porque ficamos com um a mais, mas faltou um pouco de experiência para deixar o jogo mais lúcido. Deixamos 2 pontos aqui”, disse.

Mano também falou sobre a escalação. Ele mexeu no time, mas não quis dar a entender que a partida seria menos importante que qualquer outra. Por isso, Bustos foi titular contra o Cuiabá. De Pena entrou no segundo tempo depois do gol de Valdivia, mas segundo treinador a modificação já era esperada.

“De Pena se tornou importante a tal ponto que tivemos que cuidar dele um pouco, deixar ele de fora, se não acabamos perdendo este jogador. E quando você começa a repetir muito, ele cai de rendimento. Bustos também está com uma série de jogos bastante grande. Não iniciei com Heitor pra não mexer tanto no time. O jogo era importante, então eu tive que gerir isto”, comentou o treinador.

O Inter empatou em 1 a 1 com gol de pênalti, de De Pena. Com o resultado, o colorado estaciona no meio da tabela, com 9 pontos em décimo segundo lugar.

Comentários do Facebook

- Publicidade -