Mbappé revela porque o Brasil nunca mais ganhou uma Copa do Mundo

Após a coletiva de renovação de contrato com o PSG, o atacante Kylian Mbappé concedeu entrevista à TNT Sports para falar sobre a Copa do Mundo de 2022. O atleta defenderá as cores da França e tentará conquistar o título mundial pela segunda vez consecutiva.

Questionado pelo canal televisivo, o atacante destacou que os europeus são os grandes favoritos ao título da competição. Ele disse que o futebol na América do Sul não é tão avançado quanto na Europa, por esse motivo os países do velho continente levam vantagem na disputa.

“Na América do Sul, o futebol não é tão avançado quanto na Europa. E é por isso que, quando você olha para as últimas Copas, são sempre os europeus que ganharam”, explicou o francês.

Mbappé fez parte da conquista do mundial na Rússia com a seleção francesa e foi um dos principais destaques. O atacante vai em busca de mais conquistas com o país e é pontuado como um dos favoritos ao título da competição.

A França está no Grupo D da Copa do Mundo, ao lado de Dinamarca, Tunísia e quem passar do playoff entre Ásia e Conmebol.

Nations League é alternativa para o Brasil

Em busca de mais duelos contra as seleções do futebol europeu, o Brasil pode entrar na Nations League a partir de 2024. O formato com a presença das equipes sul-americanas é enxergado como o ideal pelas direções das duas confederações.

“Tivemos uma reunião com a Conmebol, que comanda o futebol na América do Sul. De 2024 em diante, as equipes deste continente vão se juntar à nossa competição”, disse Boniek, que é ex-presidente da Federação Polonesa.

A alternativa permite que as seleções da América do Sul tenham a oportunidade de enfrentar frequentemente os times do futebol europeu.

Comentários do Facebook

- Publicidade -