Como Medina está se preparando para assumir o Inter?

- Publicidade -

- Publicidade -

Cacique Medina foi anunciado como técnico do Inter no dia 27 de dezembro e já começou a se preparar para assumir o time. O uruguaio está em seu país, de férias, mas está fazendo o ‘dever de casa’, buscando conhecer mais a respeito do clube e do futebol brasileiro. Os trabalhos começam oficialmente em 11 de janeiro.

Com contrato de um ano, o treinador terá uma renovação automática caso garanta uma vaga na Libertadores. Para atingir tal objetivo terá três competições: Brasileirão, Copa do Brasil e Sul-Americana. É na competição da CONMEBOL que a diretoria colorada pretende focar em 2022.

- Publicidade -

O treinador usa algumas estratégias para estudar a característica do grupo de jogadores, e analisar os rivais nos campeonatos de 2022. Para isso, utiliza os vídeos que recebe dos analistas do clube.

Cacique Medina se prepara para assumir o Inter

Nessa preparação, quem mais o ajuda é o argentino Mariano Levisman. O analista de desempenho, de 25 anos, fazia parte da comissão técnica do Talleres e é considerado um talento em Córdoba. As especialidades do jovem analista são a leitura tática e a análise de adversários.

- Publicidade -

No Beira-Rio, a colaboração também é intensa, frequentemente conversa com membros do clube. Ele está em constante contato com o diretor-executivo de futebol, Paulo Bracks, com o gerente de mercado Deive Bandeira e os analistas do Centro de Análise e Prospecção de Atletas (CAPA). Estes últimos enviam ao comandante a todo momento dados, relatórios e vídeos sobre a equipe.

Além de pessoas de dentro do clube, o técnico ouve os seus empresários, Gustavo Méndez e Martin Avenatti. Méndez, aliás, é seu amigo pessoal. O ex-lateral foi campeão da Copa América de 1995 pelo Uruguai. Os dois sócios abastecem o treinador com informações sobre o Clube do Povo.

Comentários do Facebook

- Publicidade -