Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Na calada da noite, Tite aceitou treinar o Inter

Na calada da noite, o treinador Tite aceitou comandar o Sport Club Internacional, levando os torcedores colorados ao delírio. Relembrando momentos marcantes da história do time gaúcho, hoje trazemos à tona novamente os bastidores de como foi a renovação de contrato de Adenor Leonardo Bachi em sua passagem como comandante dentro do Beira-Rio, lá em 2008.

O ano de 2008, apesar de não ser tão cultuado como o de 2006, acabou gerando uma das situações mais importantes para a história do Clube do Povo. Isso porque foi naquele ano que a equipe vermelha conseguiu conquistar a Copa Sul-Americana, se sagrando também o Campeão de Tudo, feito que só foi alcançado pelo São Paulo, 15 anos depois.

O feito foi alcançado, inclusive, muito por conta do trabalho que Adenor Leonardo Bachi, mais conhecido como Tite, acabou realizando dentro do Inter. No entanto, mesmo depois do título continental e do sucesso que fez, o treinador não tinha a permanência garantida para a temporada seguinte, o que demorou a acontecer oficialmente, mas já se desenrolava nos bastidores.

Tite renovou com o Inter para o centenário

Isso porque era ano de eleição no time gaúcho, fazendo com que Vitório Piffero, presidente da época, não pudesse renovar para o ano seguinte, algo parecido com o que acontece em 2023 envolvendo Eduardo Coudet. No entanto, depois da reeleição do mandatário, uma das primeiras medidas acabou sendo a de oficializar a permanência de Tite por outra temporada.

O clima com a renovação, inclusive, era de grande festa na época. “Ele estará comandando o nosso vestiário para um ano cheio de competições e muita festa fora do campo, porque teremos o nosso centenário”, disse o vice-de-futebol, Fernando Carvalho, na época, empolgando os torcedores em relação ao que poderia ser o ano de 2009.