No ano do rebaixamento, Inter surpreendeu o Galo em Belo Horizonte

O Internacional surpreendeu o Atlético-MG na Copa do Brasil de 2016, ano de rebaixamento do Colorado para a Série B. Na ocasião, as duas equipes se enfrentaram na semifinal e o Galo quase foi eliminado da competição jogando contra um time de reservas.

No jogo de ida, o Clube do Povo perdeu por 2 a 1 no Beira-Rio, com gol de William. A escalação do Inter na partida teve: Danilo Fernandes; Fabinho (Valdivia), Paulão, Alan Costa e Geferson; Rodrigo Dourado, Eduardo Henrique, Anderson (Vitinho), Willian e Alex (Sasha); Aylon. Técnico: Celso Roth.

Na partida de volta, em Belo Horizonte, o Internacional utilizou um time diferente em relação ao primeiro jogo. A escalação teve: Danilo Fernandes; Ceará, Alan Costa, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Fabinho, William, Anderson (Andrigo) e Valdivia (Sasha); Aylon (Ariel).

O Colorado saiu atrás no placar e virou para 2 a 1, com gols de Aylon e Anderson, ainda no primeiro tempo. O Inter conseguiu segurar o resultado até os 16 minutos do segundo tempo, quando Lucas Pratto recebeu de Robinho para empatar a partida e ficar na frente no agregado.

Mesmo com os reservas e em baixa no Brasileirão, o Internacional ameaçou o Atlético-MG e quase conquistou a classificação para a final. O jogo serviu como incentivo para a luta contra o rebaixamento, porém o Colorado não conseguiu alterar a situação.

Inter quer surpreender o Galo novamente

O Internacional enfrenta o Atlético-MG neste domingo (10), às 16h, no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Apresentando um rendimento abaixo do esperado na temporada, o Colorado quer surpreender o Galo.

O Clube do Povo realizou duas semanas de treinos em preparação para o retorno aos gramados na Sul-Americana e no Brasileirão. O Internacional foi colocado em prova contra o 9 de Octubre, porém empatou em 2 a 2 e decepcionou pelo desempenho.

Comentários do Facebook

- Publicidade -