Notas: como foram os jogadores do Inter contra o Atlético-MG

1

O Inter perdeu para o Atlético-MG na noite deste sábado (2), por 1×0. O Colorado ficou com a posse de bola em boa parte do jogo e vinha jogando bem, com boas chances. O grande culpado pela derrota foi Diego Aguirre, que viu Cuca mudar cinco vezes, enquanto ele não fez nenhuma e só foi trocar depois de tomar o gol.

O Colorado continua em sétimo lugar, mas perto das equipes de cima. O Fortaleza perdeu por 3×0 em casa contra o Atlético-GO, enquanto Bragantino x Corinthians empataram por 2×2. O Inter poderia ter ganhado na casa do líder, caso Taison não tivesse sido fominha e passado a bola para Edenilson ou Yuri.

Notas do Inter contra o Galo

Um dos melhores jogadores do Inter em campo foi o volante Rodrigo Lindoso, assim como o goleiro Daniel, que novamente fez defesas importantes. Entretanto, dessa vez o Inter perdeu, após oito jogos.

  • Daniel – 6,5

Avaliação: dessa vez não fez muitos milagres. Sua melhor defesa foi em um lance onde o jogador do Galo estava impedido. Entretanto, não teve culpa no gol deles.

  • Saravia – 6

Avaliação: um pouco nervoso, chegou a discutir com Guilherme Arana e ajudou pouco no setor ofensivo. Por outro lado, marcou bem e evitou ataques do rival.

  • Bruno Méndez – 7

Avaliação: foi bem no sistema defensivo, protegendo o gol defendido por Daniel. Cortou bolas perigosas.

  • Victor Cuesta – 6

Avaliação: não ajudou no ataque como em outras ocasiões e no sistema defensivo, também não foi o que mais trabalhou.

  • Moisés – 6

Avaliação: não comprometeu defensivamente, embora o gol tenha saído por seu lado. Foi mais ao ataque do que Saravia, só que errou quase tudo.

  • Rodrigo Lindoso – 7,5

Avaliação: foi um dos melhores jogadores do Internacional na partida. Marcou bem, impedindo que o Galo tivesse muitas chances ao longo do jogo.

  • Rodrigo Dourado – 6

Avaliação: perdeu a bola no lance do gol do Atlético Mineiro. Fora isso, não participou muito do jogo, embora tenha cumprido seu papel de marcação.

  • Patrick – 6

Avaliação: esforçado, Patrick mostrou vontade, mas não muita criatividade. Errou muitos lances e desperdiçou bolas.

  • Edenilson – 6,5

Avaliação: jogou menos do que nas últimas partidas. Foi bem no setor defensivo e apareceu no ataque algumas vezes.

  • Taison – 6,5

Avaliação: o jogador construiu boas jogadas ofensivas, passando bolas para Moisés. Entretanto, em uma ótima jogada, poderia ter rolado para Edenilson ou Yuri Alberto, não fez isso e chutou, perdendo a chance.

  • Yuri Alberto – 7

Avaliação: levou perigo ao gol de Everson. Chutou uma bola exigindo boa defesa do goleiro adversário no segundo tempo. Mas, não foi matador como anteriormente havia sido.

  • Guerrero – 6

Avaliação: foi jogado na fogueira, entrou depois que o Inter tomou o gol e pouco participou.

  • Aguirre – 5

Avaliação: foi o culpado pela derrota. O Internacional foi bem no primeiro tempo. Só que Cuca mexeu cinco vezes e o uruguaio não trocou nenhum. O Galo passou a dominar o jogo e achou o seu gol.

- Publicidade -

1 comentário
  1. Luiz Mauricio Arruda Diz

    O time titular do Inter é tão forte quanto o do Atlético. A diferença foi no banco de reservas. As opções do Cuca eram disparadamente melhores que a do Aguirre, que fez certo em não mexer muito.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.