Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

O dia que as torcidas do Inter quase se mataram entre si

Relembre o dia em que organizadas do Internacional passaram do limite em uma confusão generalizada na própria torcida. O futebol é uma paixão que move milhões de brasileiros das formas mais bonitas possíveis. No entanto, com esse excesso de emoções envolvidas, também pode acabar gerando algumas rivalidades que causam episódios lamentáveis.

Infelizmente, é comum vermos nos noticiários informações sobre brigas que acontecem entre torcidas de times rivais. Mas bem pouco habitual brigas que acontecem entre torcedores do mesmo time, mas isso acontece, e aconteceu algum tempo atrás com a própria torcida do Internacional. O fato aconteceu em 2017, mas relembra rivalidades de mais de 30 anos atrás.

A Camisa 12 um dia foi a maior organizada do Clube do Povo e, com isso, também era uma das maiores rivais de organizadas do Grêmio, mas também das aliadas das torcidas do tricolor. A Os Fanáticos, do Athletico-PR, era uma das maiores parceiras da Super Raça Gremista, mais importante torcida do Grêmio nos anos 90, o que acabou passando a rivalidade entre os paranaense e colorados.

Novos tempos mudaram a conjuntura na arquibancada do Inter

No entanto, depois de um tempo, algumas situações se inverteram e a Guarda Popular acabou crescendo dentro das arquibancadas do Clube do Povo, mas com uma grande diferença em relação à Camisa 12, não nutria a rivalidade contra a Os Fanáticos, pelo contrário, começou a se manifestar como aliada da organizada do Athletico.

Com isso, Camisa 12 e Guarda Popular começaram a criar uma rivalidade entre as próprias torcidas do Internacional e, em Veranópolis x Inter, em 2017, o estádio pequeno e a proximidade entre as torcidas organizadas fez com que, uma camiseta balançada resvalando no rosto de um integrante de outra torcida iniciasse o tumulto generalizado que acabou com cenas lamentáveis.