Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Partes não chegaram ao acordo e jogador que Grêmio acabou de contratar prepara adeus

A direção do Grêmio está trabalhando para definir um imbróglio nos bastidores. A situação tem relação com a compra do centroavante André Henrique junto ao Hercílio Luz. No dia 28 de dezembro, o Tricolor Gaúcho pagou 1,2 milhão de euros (R$ 6,4 milhões) pelos direitos econômicos do jogador. Os valores já estavam pré-determinados no acordo de empréstimo.

No entanto, até o momento, o atacante não assinou contrato em definitivo com o Grêmio. O motivo pontuado pelas partes é o desajuste financeiro no salário do jogador. De acordo com o jornalista João Batista Filho, André queria pelo menos R$ 120 mil de salário. Após as negociações, ficou definido que o ajuste seria para R$ 100 mil.

Apesar do acordo, as partes ainda não assinaram o vínculo. Na quarta-feira (17), a direção sentou com o estafe do jogador para assinar, mas houve mais um desacerto. Na versão do atleta, de última hora, o Grêmio ofereceu um salário de R$ 50 mil (o mesmo recebido em 2023). A situação gerou insatisfação por parte do empresário do atleta.

O jornalista João Batista Filho entrou em contato com o Grêmio e recebeu a seguinte nota: “Grêmio executou a opção de compra e nela já havia previsão de todas as condições contratuais”. As versões não estão se completando e o imbróglio por André Henrique segue indefinido.

Grêmio pode ter mais uma despedida

A história de André Henrique é semelhante com a de Jaminton Campaz, que foi comprado pelo Rosario Central e ficou próximo de retornar ao Grêmio. No entanto, a equipe argentina chegou em um acordo financeiro com o empresário do jogador e a situação foi cancelada.

Neste momento, André Henrique treina sem ter contrato com o Tricolor Gaúcho. O profissional está disposto a fazer parte do elenco gremista, porém precisa definir a situação contratual.