Poucas coisas no futebol são tão sofríveis quanto o ataque do Internacional

Poucas coisas são tão feias no futebol quanto o futebol do Internacional. Principalmente em relação ao ataque. O time consegue construir jogadas, mas é um terror na hora de concluir e simplesmente não consegue marcar gols. E com isso o torcedor sofre e fica revoltado.

O empate contra o poderoso Guaireña saiu de um gol contra. Taison, do meio da rua, tentou meter para a área e um adversário colocou o pé na bola. Ela matou o goleiro e parou dentro do gol, fazendo com que o Internacional buscasse o empate.

Os atacantes não parecem ter a capacidade de finalizar com qualidade. Quando a bola é cruzada para a área, ou Wesley Moraes nem tenta ou erra, cabeceando para fora. Só que ele não é o único, outros também pecam nas chegadas ao ataque e erram muito mais do que acertam.

O Internacional tem saldo de gols negativo em 2022. O torcedor fica mais assustado a cada partida que passa. Resta saber se Wanderson, Alan Patrick e Pedro Henrique vão resolver os problemas na frente, a volta de David também é aguardada.

Comentários do Facebook

- Publicidade -