Presidente afirma que Guerrero se arrependeu e não quis rescisão com o Inter

0

O presidente do Internacional, Alessandro Barcellos, afirmou, em entrevista para o canal do Youtube “Vozes do Gigante”, que Guerrero se arrependeu, pediu desculpas e não quis mais rescindir com o clube. No começo do ano, o centroavante estava próximo de sair do clube. Atualmente, o atacante está se recuperando de lesão.

Em maio, a situação do peruano estava complicada no Colorado. O empresário do atleta enviou para os dirigentes do Inter um pedido de rescisão do contrato. Dias depois, ambas as partes se entenderam e Guerrero permaneceu no Clube do Povo.

O atacante de 37 anos está se recuperando de lesão e a previsão é de que o retorno aos gramados em um jogo oficial aconteça no mês que vem, na disputa da Série A. Na atual temporada, o atleta ainda não fez nenhuma partida pelo Campeonato Brasileiro.

Na entrevista, realizada com Alexandre Ernst, Leandro Behs e Lucas Collar, o presidente afirmou, quando questionado sobre o centroavante: “No internacional existem contratos, existem obrigações e os jogadores tem que cumprir. O Guerrero vai voltar a jogar. É a obrigação dele fazer isso e ele sabe disso. A gente buscou o atleta para saber se ele realmente tinha interesse de rescindir como ele tinha manifestado. O clube, naquele momento, estaria proporcionando este momento. Quando o jogador diz que não é isso, que se arrepende e vai à público dizer que quer continuar no clube, que está feliz e que quer voltar a jogar, isso pro clube naquele momento satisfaz o contratual”.

Números de Guerrero no Inter

Em 2021, o Peruano anotou um gol em 7 jogos. No total, com a camisa do Inter, o atacante tem 63 partidas e 31 gols. O centroavante está no clube desde 2019, quando foi transferido após atuar, respectivamente, por Bayern de Munique, Hamburgo, Corinthians e Flamengo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.