Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Provavelmente este foi o pênalti mais bizarro da história do Inter

Provavelmente o pênalti citado a seguir foi um dos mais bizarros que já apareceram para o Inter em todos os seus anos de história. O ano de 2016 foi um dos piores de toda a história do time gaúcho, com momentos terríveis sendo relembrados pelos torcedores com uma certa frequência, tendo em vista aquilo que foi confirmado no final daquela temporada.

O ano do rebaixamento foi traumático por si só, mas, no entanto, começou de maneira estranha, mas não tão negativa. Isso porque a equipe comandada por Argel Fuchs conseguiu conquistar o Campeonato Gaúcho naquele ano, o último título conquistado pelo time. No entanto, mesmo com a taça, alguns momentos complicados acabaram sendo vistos.

Para começar, ainda na fase de grupos daquela edição do estadual, o Inter foi até Vacaria para enfrentar o Glória e um lance completamente bizarro acabou sendo visto. Isso porque, no segundo tempo, Marquinhos acabou sofrendo um pênalti, mas, na cobrança, acertou a trave e, no rebote, ainda conseguiu acertar o calcanhar do goleiro, que estava de costas para o lance.

O lance bizarro ainda foi anulado por dois toques na bola. Relembra aquela vitória por 3 a 0 e o momento em questão:

Inter viveu pênalti bizarro mas venceu mesmo assim

FICHA TÉCNICA

GLÓRIA 0 X 3 INTERNACIONAL

  • Data: 03/04/2016 (domingo)
  • Local: estádio Altos da Glória, em Vacaria (RS)
  • Árbitro: Diego Almeida Real
  • Auxiliares: José Javel Silveira e Jorge Bernardi
  • Cartões amarelos: Elyeser, Eder (GLO); Alan Costa (INT)
  • Gols: Vitinho, aos cinco minutos do primeiro tempo (INT); Andrigo, aos 20 minutos do segundo tempo (INT); Marquinhos, aos 43 minutos do segundo tempo (INT)

GLÓRIA: Rafael Roballo; Pedro Victor, Danilo, Alisson e Márcio Goiano; Elyeser, Germano (Baré), Leandro e Cleiton (John Lennon); Eder (Vinicius) e Alê Menezes Técnico: Rodrigo Bandeira

INTERNACIONAL: Alisson; Paulo Cezar, Alan Costa, Réver e Artur; Fernando Bob, Fabinho, Gustavo Ferrareis (Alisson Farias), Andrigo (Raphinha) e Marquinhos; Vitinho Técnico: Argel Fucks