Quem é o favorito na corrida pelo comando técnico do Inter?

Três nomes continuam na disputa, mas um perdeu força

0

Diego Aguirre é o favorito, neste momento, para ser o novo técnico do Internacional. Não é uma unanimidade entre os gestores, mas é um nome que agrada a direção, devido ao seu estilo de jogo. Quando treinou o Inter em 2015, a equipe apresentava um futebol ofensivo e chegou na semifinal da Libertadores.

O grande porém em relação a contratação de Diego Aguirre está na preparação física. Ele gosta de contar com um profissional que está ao seu lado há anos, trata-se de Fernando Piñatares. A direção chegou a conversar com os gestores do São Paulo e do Atlético-MG, times em que Aguirre passou recentemente.

Então, é necessário resolver essa questão. Os diretores colorados não estão dispostos a aceitar a chegada desse preparador físico. Além disso, Aguirre gosta de contratos bem-feitos, cheio de cláusulas. Desse modo, é outra questão que precisa ser avaliada antes de fechar o negócio.

E se Aguirre não vier, quem treinará o Inter?

O nome de Lisca perdeu força nos bastidores. O técnico pediu demissão do América-MG, mas há resistência por parte de alguns dirigentes, principalmente porque ele não tem muitos trabalhos em grandes times. Conforme Leonardo Meneghetti, há uma rusga antiga entre o treinador e o vice de futebol, João Patrício Herrmann, que complica ainda mais o negócio.

O português Marco Silva é outro que está forte no páreo para assumir o Inter. Ele já disse que ficou feliz com esse rumor, mas até o momento, a negociação não evoluiu. Vale lembrar que nos últimos dois anos a Libertadores foi vencida por clubes que tinham portugueses no comando.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.