Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Quer ser Inter? Rival monta time e aposta em antiga dupla colorada

Depois de ter demitido o técnico Cuca, o Atlético-MG foi ao mercado atrás de um treinador para comandar a equipe na temporada de 2023. O nome escolhido para esta missão foi o de Eduardo Coudet, um velho conhecido do Internacional. Porém, o técnico argentino não é o único rosto conhecido do Beira-Rio.

Na negociação com o clube mineiro, Coudet ouviu a promessa dos dirigentes do Galo que a equipe teria reforços para buscar o título de todas as competições em que disputar. Com a proposta, Coudet aceitou o desafio e começou os trabalhos e os pedidos de contratações.

Como sua primeira experiência no futebol brasileiro foi comandando o Internacional, Coudet pediu a contratação de jogadores com quem trabalhou no Beira-Rio. O primeiro a ser anunciado foi o zagueiro Bruno Fuchs, depois Edenilson e agora, Patrick. Até o momento não há a informação de outros jogadores ou ex-jogadores do Inter no radar do Atlético-MG.

Erros e acertos de Coudet no Inter

O técnico Eduardo Coudet chegou ao Internacional e deixou uma certa saudade no torcedor. O argentino foi contratado pelo Clube do Povo em dezembro de 2019, e, 11 meses depois, deixou o clube para assumir o Celta de Vigo, da Espanha.

O portal GZH listou momentos do treinador enquanto comandava o Internacional. Entre erros e acertos, Coudet deixou o clube depois de 46 partidas, sendo 24 vitórias, 13 empates e nove derrotas, com aproveitamento de 61,5%.

Erros

  • Ausência de variação tática
  • Rodrigo Moledo na reserva
  • Insistência em Damián Musto

Acertos

  • Thiago Galhardo no ataque
  • Jogo propositivo
  • Trabalho com jovens (lançou Bruno Fuchs, Jhonny, Zé Gabriel, Heitor, Johnny, Praxedes e João Peglow