Ramírez conseguiu decepcionar o maior público da história da MLS

Time de Miguel Ángel Ramírez, o Charlotte FC jogou dentro de casa pela primeira vez na história, no Bank of America Stadium, e bateu o recorde de público da Major League Soccer (MLS). 74.479 torcedores acompanharam a derrota da equipe norte-americana por 1 a 0, contra o LA Galaxy.

Ex-Internacional, o técnico Ramírez faz parte do projeto com o time de expansão da MLS, porém ainda não conseguiu engrenar. Até o momento, a equipe tem três partidas e três derrotas. Os outros dois jogos foram contra Nashville SC e DC United.

Na última partida, o Charlotte FC foi superado pelo LA Galaxy, por 1 a 0. O atacante Douglas Costa, rebaixado com o Grêmio em 2021, faz parte da equipe e foi um dos destaques da partida contra o time de Ramírez.

Apesar dos resultados negativos, o técnico Miguel Ángel Ramírez segue integrado com o projeto no Charlotte FC e já está focado na próxima partida. A equipe norte-americana enfrenta o Atlanta United, no próximo domingo (13), às 17h30.

Ramírez enfrenta equipe relacionada ao Inter

Adversário do Charlotte FC na próxima rodada, o Atlanta United teve um forte envolvimento com o Internacional durante a janela de transferências. A equipe tinha o passe do atacante Ezequiel Barco, que interessava ao Colorado.

No fim das contas, Ezequiel Barco mostrou preferência por retornar ao país de origem e assinou com o River Plate. O atacante já é um dos destaques da equipe, com cinco jogos, um gol e uma assistência durante o período.

Contratado pelo River, o ponta de 22 anos movimentou o mercado sul-americano e também despertou interesse do Flamengo. Nenhuma das duas equipes brasileiras conseguiu superar os argentinos e Barco foi transferido com sucesso.

Comentários do Facebook

- Publicidade -