Portal do colorado
Portal de Noticias do Sport Club Internacional

Renomado jornalista gaúcho acabou com a moral do presidente da CBF

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) está passando por maus bocados nas últimas semanas enquanto tenta passar pela crise da paralisação do Brasileirão por pressão dos clubes gaúchos, que não estão podendo jogar em decorrência das fortes enchentes que estão atingindo o Rio Grande do Sul, atingindo mais de 1 milhão de gaúchos.

Por indefinição se para ou não o campeonato, renomado jornalista gaúcho acabou com a moral do presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues. “O vice de futebol do @Gremio ,@antoniobrum10 , foi às redes sociais criticar duramente o encontro marcado pela @CBF_Futebol para o dia 27 de maio. “Que tipo de brincadeira de mau gosto é essa, CBF” Brum está coberto de razão . A entidade desrespeita o sofrimento do povo gaúcho”, afirmou Sergio Boaz.

Ainda na reclamação, Boaz pediu a renúncia de Ednaldo Rodrigues do cargo da CBF. Os clubes do Brasileirão não chegaram a acordo para paralisar o campeonato e apenas partidas envolvendo clubes gaúchos até o dia 27 de maio.

Dirigentes do Inter saíram no soco

O Internacional está vivendo período político mais tranquilo, onde as contas do clube estão no lugar e Alessandro Barcellos é o presidente, mas nem sempre foi assim e confusão fez ex-dirigentes do clube saírem no soco. A situação aconteceu em 2016, quando o ex-presidente do Inter, Fernando Miranda, discutiu com o jornalista Julio Ribeiro ao vivo, durante o programa “Cadeira Cativa”, da “Ulbra TV”.

A situação aconteceu um dia após a queda da equipe para a Série B do Campeonato Brasileiro, em 2016. Os dois falavam alto, defendendo a história do clube, cada um para o seu lado, quando o ex-dirigente se levantou da cadeira e acertou um soco no rosto do comentarista.