Rodrigo Caetano abre as portas do Galo para jogador desejado pelo Inter

Vendido pelo Atlético-MG ao Krasnodar, da Rússia, o zagueiro Junior Alonso deve seguir atuando em solo brasileiro. O atleta teve o contrato suspenso por conta dos conflitos no leste europeu e não tem interesse em jogar pela equipe russa.

Em entrevista à rádio paraguaia Monumental AM 1080, Junior Alonso confirmou que deve continuar jogando no Brasil. Até o momento, não existe nenhum acordo encaminhado e o atleta analisa as propostas.

“Nesta semana teremos novidades. O mais provável é que eu siga jogando no Brasil (…) Eu estava bem no Brasil, capitão e ganhando títulos, mas a ideia sempre foi voltar para a Europa e seguir crescendo. Lamentavelmente, veio a guerra”, comentou Alonso.

Sabendo da permanência do atleta no Brasil, o dirigente Rodrigo Caetano, ex-Inter e atualmente no Atlético-MG, se colocou à disposição para contar com o jogador no elenco do Galo: “Ele sempre teve as portas abertas aqui”, salientou.

A situação pode dificultar as sondagens do Internacional, já que o clube tem interesse em Junior Alonso. O Colorado analisa a possibilidade de contratação e deve realizar uma proposta pelo zagueiro nos próximos dias.

Reforço de Rodrigo Caetano? A situação de Junior Alonso na Rússia

Durante a entrevista para a rádio paraguaia Monumental AM 1080, o atleta concedeu detalhes sobre o período conturbado na Rússia. Junior Alonso informou que prioriza a tranquilidade com a família e não está disposto à ficar parado por meses.

“Dissemos ao clube que o lado econômico agora ficava em segundo plano. A tranquilidade da família era a prioridade (…) Quero jogar. Não quero ficar três, quatro meses parado. Por isso Diego (empresário do atleta) está vendo tudo isso”, comentou o defensor.

Segundo o jornalista César Luis Merlo, da TyC Sports, três clubes brasileiros tem interesse em Junior Alonso: Internacional, Atlético-MG e Flamengo.

Comentários do Facebook

- Publicidade -