Saiba quem era o homem agredido depois do GreNal 437

Assim que a bola parou de rolar para Grêmio x Internacional, na quarta-feira (23), um homem foi agredido. Era uma pessoa credenciada, que passou próximo da zona de entrevista e logo recebeu socos e chutes. Antes, ele tentou bater em Rodrigues, que jogou de lateral.

Conforme o dirigente do Grêmio, Sergio Vazques, era um funcionário da Arena do Grêmio, estádio que não é administrado pelo clube. “Dizia segunda divisão, segunda divisão”. O homem teria provocado os gremistas presentes, que partiram para a pancadaria.

O Inter venceu o GreNal 437 por 1 a 0, com gol marcado por Taison em cobrança de falta. Não foi o suficiente para passar de fase, mas foi a terceira vitória do Inter nos últimos quatro clássicos, quebrando um tabu de 17 jogos sem ganhar na casa deles.

Segundo a Arena Porto-Alegrense, que administra o estádio alugado, esse profissional foi contratado para trabalhar no clássico. Não é um um colaborador fixo da empresa.

Comentários do Facebook

- Publicidade -