Sonda recorda a negociação que trouxe D’Alessandro pro Inter

Delcir Sonda revelou detalhes sobre a negociação para a chegada de D’Alessandro ao Internacional. As tratativas ocorreram em 2008 e tiveram muita complicação, já que o argentino estava envolvido no futebol europeu e era tratado como uma das maiores promessas da Argentina.

“Eu tinha minhas dúvidas quando o contratei. Junto do Fernando Carvalho, nós tiramos todas elas. Hoje ele é nosso número um. Tivemos grandes jogadores como Falcão, Figueroa e Valdomiro, mas em termos de liderança, o D’Alessandro, é um exemplo”, salientou Sonda.

D’Alessandro chegou ao Internacional e assumiu protagonismo aos poucos. As conquistas de títulos de forma precoce foram um dos fatores decisivos para que o argentino seja elogiado aqui nos bastidores.

“A negociação passou dos 6 milhões de euros na época. Estava muito difícil. Foi a maior contratação que eu presenciei”, destacou Delcir, que teve muitas dificuldades para chegar em um acordo pela aquisição de D’Alessandro.

A última partida de D’Alessandro foi no último domingo (17), o jogador marcou um dos gols da vitória do Colorado e teve responsabilidade direta pelo empate em 1 a 1.

D’Alessandro se despediu do Inter

D’Alessandro falou sobre o sentimento de deixar o Internacional. O atleta, que assinou contrato até abril, destacou que jogar no Colorado é um sonho que vai ser levado a sério.

“É difícil. Me preparei muito para ser atleta. E de repente aceitar que não vou trabalhar mais no que eu gosto. Mas vou levando. Tentar levar da melhor maneira. Nesse último tempo, falando com familiares e amigos”, comentou D’Alessandro.

“Me perguntam se tenho noção do ídolo, mas não me coloco nessa posição. Nunca me coloquei numa situação onde não merecia. Não acho que sou mais do que eu fiz, e acho que poderia ter feito mais. Sabia que tinha que voltar quando saí, porque a história continuava”, salientou.

Comentários do Facebook

- Publicidade -